Acupuntura

acupuntura01

Imagem: Internet

A acupuntura é o conjunto de conhecimentos teóricos empíricos da Medicina Chinesa Tradicional que visa à terapia e a cura das doenças através da aplicação de agulhas. Esta ciência surgiu na China aproximadamente 4.000 anos A.C. Segundo a teoria da acupuntura, todas as estruturas do organismo se encontram originalmente em equilíbrio pela atuação das energias Yin e Yang.

Yin e Yang são termos que descrevem os dois polos que sempre estão presentes em todas as coisas e eles devem ser compreendidos em relação um a outro. Na cultura chinesa Yin e Yang nunca foram associados a valores morais, com o bom e o mau, o que é bom não é Yin ou Yang, mas sim o equilíbrio dinâmico entre dois.

O fluxo energético dos canais de energia reflete o estado dos Zang Fu (órgãos e vísceras), assim como as alterações energéticas ocasionadas pelo meio ambiente. Os canais de energia principais e seus pontos de acupuntura são sede de manifestações interior, assim como o local para entrada das energias perversas. Quando essas energias perversas invadem o organismo, as manifestações clínicas aparecem em consequência à falta ou excesso de Qi ou mesmo pela estagnação de Qi de Xue (Sangue).                                                                                                                                                                                                                                                                                      

A acupuntura não está voltada diretamente para os agentes agressores externos e, por isso, seu tratamento não visa apenas o tratamento localizado na área comprometida, mas age sobre todo sistema nervoso, estimulando os mecanismos de compensação e equilíbrio em todo o corpo, para com isso oferecer condições ao organismo de se harmonizar, alterando a circulação sanguínea, pois a partir da estimulação de certo pontos pode-se alterar a dinâmica da circulação regional proveniente de micro dilatações. Outros pontos promovem o relaxamento muscular, diminuindo o espasmo, a inflamação e a dor. O estímulo de certos pontos promove a liberação de hormônios, como o cortisol e as endorfinas, promovendo a analgesia. Na literatura chinesa, quando ocorrem o processamento de agulhamento na região onde há dor,a energia perversa se dispersa e com isso ocorre a melhora da dor.

Na região da dor, com a acupuntura são liberados opióides endógenos que parecem ser essenciais na melhora funcional de diferentes sistemas e órgãos. As endorfinas produzem efeitos ao ligarem os receptores a opioides. Ha vários tipos de opioides endógenos e receptores de opióides. Essa substância tem uma grande afinidade com o receptor e é importante no controle da dor, assim como na regulação da pressão arterial e na temperatura do corpo. O sistema abrange o hipotálamo e uma rede neuronal que se projeta para os núcleos do mesencéfalo e do tronco cerebral. Por essa via ela pode influenciar a sensibilidade à dor.

infografico_acupuntura

Imagem: Internet

infoacupuntura_vale_este2Imagem: Internet

Dr. Diego Cantuária Sanches    CREFITO-3/206256-F

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s